Quem somos nós?

Você já parou para pensar quem é você e porque está aqui? Quando queremos conhecer uma pessoa, ou nos apresentamos a alguém, falamos o nosso nome, aquilo que fazemos, nosso grau acadêmico e a idade que temos, mas será que isso revela quem realmente somos?


Com certeza não, pois, somos muito mais que essas atribuições. Independente de qualquer nome possível continuaríamos sendo nós mesmos, seja lá qual for a nossa profissão ou atividade que realizássemos. A idade muito menos poderia revelar, uma vez que, desde nossa gestação já éramos quem somos, e continuaremos a ser até nossa morte. Essa só é a ponta do Iceberg!



Afinal, quem somos nós?


Segundo o grande filósofo grego Aristóteles: “O Homem é um animal racional”. Ao afirmar que somos um animal revela a nossa dimensão natural, biológica, que faz dos Seres Humanos, um ser vivo como qualquer outro, isso é, nascemos crescemos, nos reproduzimos envelhecemos e morremos.


Por outro lado somos racionais. Temos consciência de nossa existência, e a possibilidade de dar sentido ao mundo onde vivemos e a nós mesmos, tudo isso é possível pelo uso da razão, que á a capacidade de pensar, comunicar o pensamento, e transformar o mundo onde vivemos.



Nós somos feitos de átomos, por isso somos feitos de energia que emite ondas, as ondas vibram e a frequência que cada onda vibra é denominada de frequência vibratória.


Quanto menor a frequência vibratória, isto é, quanto menos uma onda vibrar, menos energia produz e mais densa é. Quanto maior a frequência vibratória, isto é, quanto mais vezes a onda vibrar, mais energia produz, menos densa é, mais alta é.


Quando as ondas produzem energia, elas produzem luz. Consequentemente, quanto mais alta a vibração do nosso campo magnético, da nossa dimensão energética, mais luz produzimos, como seres de Luz que somos.


Quais são as "coisas" que ativam uma altíssima frequência vibratória?


Sentir o amor e gratidão. São as emoções mais altas, mais nobres, promovem uma altíssima frequência vibratória. E como a vida é um eco, se nós vibramos muito alto, nós emanamos energia alta, leve, sutil, consequentemente vamos atrair situações com a mesma frequência vibratória em nossa vida.


De acordo com os princípios espirituais básicos, nós somos expressões individuais de Ser Infinito e estamos aqui para experienciar a vida, cada um com o seu propósito individual. Cada pessoa é única, e o nosso objetivo na Terra é experienciar a vida através de nossa própria e exclusiva perspectiva.



Antes de encarnarmos na Terra, planejamos nosso caminho global através da vida antes do nosso nascimento. O fato de que o nosso cérebro não se lembra do nosso próprio plano criado anteriormente não impede o fato de que ele continue a se revelar enquanto o tempo passa. Nosso eu interior, a nossa alma, se lembra do nosso plano perfeitamente.


Uma das funções do nosso eu interior é nos dar intuições que nós possamos seguir. Estas intuições, quando seguidas de acordo, nos auxiliam a explorar o potencial de nossa vida com um resultado mais satisfatório.


A meditação regular nos mantém sintonizados com o nosso eu interior e ajuda a garantir que obtenhamos o máximo da vida e desenvolver a presença. Então, a sincronicidade pode se revelar na forma de encontros, eventos que apoiam o nosso propósito de vida e nos ajuda a sair do padrão robótico comportamental.


É necessário desenvolvermos uma constante busca de conhecimento de nós mesmos, para assim compreender o mundo em que vivemos e percebermos com perfeição a nossa natureza.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square

ENTRE EM CONTATO

  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube

Endereço: R. Borges Lagoa 508 - São Paulo, SP 040038-000

Contato@cura-te.org.br

Conheça o projeto

Você quer nos ajudar a continuar esta obra?

amigos do Cura-te logo.png
WhatsApp-icone.png

 2016 - Cura-te © Todos os direitos reservados - CNPJ: 31.171.222/0001-09